Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Jogo amarelado

Eu vi Talita escrito ali e Talita não era aquela, a que eu queria. Era uma mulher assim simplesmente. Não era Maga, não era a outra, não era eterna, etérea ou misteriosa. Estava ali. Talita ali. Só era. Talita aquela que agora quero.


(Quem diria que um dia eu quereria ser apenas (duras) uma mulher.)

Últimas postagens

Nenhum outro lugar que não seja essa cidade média

à parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo

Aterro

Saí sem varrer o quarto

Perfume de limão

Corra e olhe o céu

Gimme a pose

hora do almoço

Azul

Norte de vento noite