presente de natal

a dieta

Sarah Tarler Bergholz era muito baixinha. Não precisava sentar-se para que os netos penteassem suas melenas, que caíam em caracóis da sua cara simpática até o umbigo.
Sarah estava tão gorda que já nem podia respirar. Num hospital de Chicago, o médico disse a ela o que era evidente: para recuperar a proporção entre estatura e volume, deveria fazer uma dieta rigorosa e eliminar as gorduras.
A voz de Sarah era de seda. Suas mais enérgicas afirmações pareciam confidências. Falando como que em segredo, olhou fixo para o médico, e disse:
- Eu não tenho certeza se a vida vale a pena sem salame.
Morreu, abraçada à sua perdição, no ano seguinte. O coração falhou. Para a ciência, era um caso claro; mas jamais se saberá se o coração estava farto de tanto salame, ou exausto de tanto se dar.


Eduardo Galeano
Bocas do Tempo

Comentários

Postagens mais visitadas