.

.

.


acordo num domingo e ouço essas

palavras:

estamos sempre na quasidade eu acho, mas a gente finge que

não, que estamos bem seguros e bem vivos... que nada né, quase sempre

estamos quase morrendo...


quase sempre estamos quase morrendo quase sempre estamos quase morrendo

essa é a frase que repito o domingo inteiro, domingo lento,

triste sem dizê-lo.

domingo triste quase sem vivê-lo..

quase sempre estamos quase morrendo...

uma cadeira de sol no terraço de inverno é a quase felicidade

(acalma a alma, quase elimina a agonia)

e ficar em silêncio e quase dormir

quase falar e como sempre, como quase sempre

quase chorar

eu falo com elas e todas nós olhamos nossas doenças.

minha doença é fingir que são quase machucados.


acordo no meio do domingo e ouço essas

palavras que parecem feitas exatamente para ele.

é um quase encanto

no domingo triste.



palavras da

Comentários

MayrA disse…
ai que fofa... como é bom me sentir perto de ti, mesmo longe... agora pensei que talvez a gente se sinta quase sempre quase morrendo porque seria muito medíocre se sentir quase sempre quase vivendo. Quase viver não é nada bom, eu acho... beijo de amor
Talita disse…
é...quase se morre, pq se vive :)

Postagens mais visitadas