Jogo amarelado

Eu vi Talita escrito ali e Talita não era aquela, a que eu queria. Era uma mulher assim simplesmente. Não era Maga, não era a outra, não era eterna, etérea ou misteriosa. Estava ali. Talita ali. Só era. Talita aquela que agora quero.



(Quem diria que um dia eu quereria ser apenas (duras) uma mulher.)

Comentários

Postagens mais visitadas